Home
Sobre Antonio Miranda
Currículo Lattes
Grupo Renovación
Cuatro Tablas
Terra Brasilis
Em Destaque
Textos en Español
Xulio Formoso
Livro de Visitas
Colaboradores
Links Temáticos
Indique esta página
Sobre Antonio Miranda
 
 


 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

SÉRGIO AVANCINE

 

 

Sou da carreira de Gestor desde 1998, com extensa vida profissional anterior (tenho 60 anos de idade): pesquisador, professor, técnico ou dirigente em prefeituras e órgãos públicos paulistas. Sempre tive prazer em escrever textos acadêmicos ou técnicos, por exemplo Notas Técnicas, tão peculiares ao dia-a-dia do Gestor. Desde 2001, tomei gosto também por poesia. Publiquei ‘Poemas Soltos’ em 2007 (lançamento apenas em São Paulo) e um segundo livro em 2011, 'Lua e meia', lançado em SP e Brasília. Fui então entrevistado na TV Senado (programa Leituras), Rádio Nacional (Agenda Cultural) e Correio Braziliense, o que me animou. Acumulei poemas (de imprevisível surgimento!) a ponto de perceber ter um estoque de mais de 100 poemas genuinamente brasilienses, inspirados em três fontes que a este migrante de São Paulo muito tocam: o nacionalmente famoso Céu, o característico Cerrado e a Cidade, sui generis no Brasil pelo valor urbanístico/arquitetônico. Assim surgiu 'céu / cerrado / cidade'.

 

AVANCINE, Sérgio.  Céu cerrado cidade. Poemas. Brasília, DF: Annabel Lee, 2014.  132 p   14,5x20,5 cm.  Capa: Gabriel Cavalcanti. ISBN 978-149759696-5  “ Sérgio Avancine “  Ex. bibl. Antonio Miranda


ave maria

 

o sol no cerrado

de uma tal maneira

se enterra

se entranha

se encerra em mil cores

 

que

para beleza tamanha

não há como não convocar:

senhoras e senhores!

 

 

 

moto-contínuo

 

eterna ciranda

dividido entre o sol e a lua

o céu não tem dúvidas

 

e a fila anda

 

 

estádio

 

duzentas e oitenta e oito colunas

templo gigante

desses que se deve a quem é

 

e eu ali

insignificante

mané

 

 

engajado

 

causa sem limite o céu do cerrado

 

milite!

 

 

 

AVANCINE, SérgioLua e meia.  São Paulo: Arte Paubrasil, 2012.  64 p. 14x21 xm.  ilus.  ISBN 978-85-99629-36-9   “ Sergio Avancine “  Ex. bibl. Antonio Miranda

 

virgulíneas

se na vírgula respiro
entre vírgulas
cochilo

 

sombra

lua cheia nasce
meia lua vemos

a que perdemos
oculta faz-se

perdoemos:
nem todo mundo oferece a outra face

 


Página publicada em agosto de 2015.


 

 

 

 
 
 
Home Poetas de A a Z Indique este site Sobre A. Miranda Contato
counter create hit
Envie mensagem a webmaster@antoniomiranda.com.br sobre este site da Web.
Copyright © 2004 Antonio Miranda
 
Click aqui Click aqui Click aqui Click aqui Click aqui Click aqui Click aqui Click aqui Click aqui Click aqui Home Contato Página de música Click aqui para pesquisar